19 agosto, 2010

REPAREM O NARIZ DE DILMA PÓS DEBATES....

Após ter sido bloqueado pelo google devido à pressão da psicopatia petista, consegui retornar utilizando-me de certas manobras anti-censuras... Pois bem, estou de volta...
Ao post...
Sinto-me na realidade nestas eleições vítima das minhas opções... No post anterior trouxe algumas esdrúxulas candidaturas oportunistas a uma cadeira no rentável ($$$$) legislativo deste país. Serginho malandro, o famoso "gluglu", tentou, mas teve sua candidatura impedida... Mas está com sua candidatura "bombando", o grande Vaguinho, ex pagodeiro, pleiteante a uma das duas vagas no Senado como representante do estado do Rio... É de fato um sem número de caras de pau semi-analfabetos que nossa hipócrita democracia permite que se candidatem... Mas deste assunto de legislativo dou-me por satisfeito pelas colocações que aduzi infra...
E para Presidente? Minha situação não se altera... Sinto-me órfão de pai e mãe... De um lado o "carismático e dinâmico" Serra Simpson, pura adrenalina na veia... Do outro a não menos carismática Marina Lima, ops Silva, que após terminar o MOBRAL com especialização em meio-ambiente não arrisca um "peido" além... Os demais candidatos são inexpressivos e não votaria nem para síndico do meu prédio, não vale uma linha deste espaço... Poderia muito bem parar esta suave e despretensiosa crônica neste momento, mas criaria um verdadeiro alvoroço por não citar a potencial vencedora das próximas eleições, a guerrilheira Roussef, mas explico: Não a citaria na presente, pois esta jamais consideraria como mãe para dizer-me órfão... Desta, é verdade, já esculhambei sua mentirosa biografia ao longo das diversas crônicas que se antecederam, nada também, é verdade, capaz de alterar o índice de popularidade do não menos esculhambado Lula, Ex-Presidente e atual cabo-eleitoral, já que sabemos que a popularidade de Dilma parece uma carranca, tem barba e nove dedos nas mãos...
Os leitores deste espaço sabem que meu horror por Dilma não gira propriamente em torno de sua aparência de desenho animado trash, não se esgota ainda por seu passado largamente exposto no Mosaico como guerrilheira da conspiração comunista do PT, sequestradora, ladra de banco e nem por seu presente como uma das financiadoras das FARC, do tráfico internacional de armas e drogas... O que tem me incomodado no momento é sua capacidade de na frente das câmeras esguichar óleo de peroba em sua cara construída sujando ainda mais o nome de Gepeto, ops, Lula, seu criador... A cada final de debate, Dilma por certo vai até o consultório do prof. Ivo Pitangui, por certo com o dinheiro público, para que cirurgicamente utilize de uma Serra (que não seja o candidato) para deixar seu nariz do tamanho que Gepeto entende conveniente e oportuno...
Pois vejam: De uma só tacada, no debate da Folha/UOL, afirmou a candidata: “Aprovamos o Plano Real e, mais do que isso, levamos à frente e o utilizamos de forma adequada”. Vale lembrar, que o PT se opôs a todas, rigorosamente todas as medidas do Plano Real. Exemplificativamente, para rememorar, foi absolutamente contra ao plano de estímulo à reestruturação dos bancos, o Proer, que garantiu a saúde do sistema financeiro brasileiro e foi fundamental para assegurar a estabilidade da moeda. Medida esta que doeu na carne do então Presidente FHC, pois custou o fim do Banco Nacional, de que netos de FHC eram herdeiros... FHC alcançou a presidência com netos herdeiros de bancos (sua então nora era da família Magalhães Pinto, que controlava a instituição); ao deixar o mandato seus netinhos eram pessoas quase que comuns, apenas um pouco melhor que nós (já que voltaram a ser apenas correntistas de banco)... Olha que curiosa situação: O patriarca Lula chegou ao poder, e um de seus filhos era monitor de jardim zoológico. Hoje, o mesmo filho, Lulinha, é o dono da Gamecorp, empresa que recebeu uma "baba" de dinheiro da Oi, de que o BNDES é sócio... E não é que a história da vida da família de Lula daria mais um belo filme: Os filhos de Lula: De peão a mega-empresário em menos de 1 mandato...
Lembro ainda que na campanha eleitoral de 1994 o PT tentou demonstrar nos mesmos debates que hoje Dilma nos "oferenda de Iemanjá" os malefícios que o Plano Real causaria ao Brasil. Passaram os oito anos seguintes tentando sabotar e desestabilizar o plano, tentando barrar os projetos no legislativo e obrigando FHC a governar no peito e através das impopulares MP para que o Plano Real desse certo. O PT apenas passou a apoiar o Plano Real quando já era uma realidade aplaudida mundialmente, coincidentemente quando chegaram ao poder... Por isso diria: "Eita cara de pau!"
Outra mentira da senhora candidata se revelou baixa, sórdida... Aproveitando cada vez mais a carapuça que o PT vestiu de assistencialista dos "pobrezinhos" com o dinheiro público, Dilma bradou no debate que o DEM pretendia extinguir com o Pro-Uni quando entrou com um ADI no Supremo. Está virando recorrente "Dilma falar e assinar o que não sabe", no fundo sabe e confia no imenso déficit intelectual do povo e da incondicional cegueira por Lula... Pois bem, assinou seu programa e no 1º debate defendeu algo contrário ao que o seu programa dizia, mas se defendeu dizendo que o programa ainda iria sofrer alterações... Agora disse que o DEM tentou acabar com o Pro-Uni quando apenas alegou uma questão que a mim também parece inconstitucional, privilegiar uma cor racial em detrimento das outras como uma dívida histórica, ou seja, RACISMO! Ser a favor de ações afirmativas é conferir dignidade aos mais necessitados, louvável! Mas os mais necessitados não são necessariamente negros, pardos ou índios, existe um sem número de necessitados de pele de cor branca que não podem ser esquecidos por terem nascido brancos em uma época que resolveram pagar uma dívida história apenas com os "negros". Necessitam do Pro-Uni todas as raças, independentes de cor, sexo, credo ou outro tipo de descriminação, por isso, o critério deveria basear-se apenas em ter estudado em todos os anos em escola pública ou em particular com bolsa de estudos, comprovada a necessidade econômica, e ponto, do contrário é RACISMO! Foi mais ou menos isso que defendeu o DEM, não cogitando da extinção do Pro-Uni, mas sim de sua ampliação... E o Serra Simpson nessa história? Apagado... Serra, vale dizer, só fala dos mutirões de saúde que irão operar varizes, próstatas e córneas... Praticamente a Marina Silva da saúde, guardadas as devidas proporções quando o assunto é grau de instrução, é claro...
Por isso serei após as eleições um triste, porém convicto órfão, pois a mãe que querem me ofertar nem de madrasta vai rolar, deixo como oferenda para Iemanjá... E como serie um filho sem pai, serei filho de chocadeira...
Será que o Gepeto tem ensinado Dilma a mentir? Que feio, e que mau exemplo Presidente Lula, ops, Gepeto... Exemplo que se passa de pai para filha, de criador para criatura...



5 comentários:

CapEnt disse...

Dilma está se mostrando uma pessoa que não tem limites nem se comparada com alguns dos criminosos mais notórios da política Brasileira, está sim consegue roubar o pirulito da criança e o crédito pela invenção do singelo confeito.

Me permite fazer um sugestão para o blog? Retirar o plano de fundo com as chamas, ele atrapalha a leitura do texto, particularmente no meio, onde a chama fica mais "clara".

Anônimo disse...

E uma das benfeitorias do "Lula" foi autorizar as seguradoras a triplicar x 2 o valor do seguro obrigatorio para quem possui motos. É tipico o governo colocar dividas para os outros pagarem.

Joana disse...

Olá... gostei muito do seu texto e concordo com quase tudo, mas que eu saiba a seleção para o ProUni é feita pelas notas do ENEM e comprovação de renda. As cotas sim, privilegiavam os que se declarassem negros, nas universidades federais apenas. Isso eu também acho que seja racismo. Mas o ProUni deve continuar, pois é muito bom.

Abraço e prazer em conhecer seu blog.

Fábio disse...

É, infelizmente a nação nestas eleições está em maus lençóis. E o pior, assim como você, também me sinto atado. Sabe, aquela sensação de estar encurralado, sem opções, sem rumo? Pois é, assim que estou. Sei lá, estou sem esperança... :-(

Roberta Manhães disse...

Muito bom!
Belas colocações! Bem que havia me falado q vc tinha um estilo especial de escrever. Antenado, sério e irônico ao mesmo tempo. Parabéns!