15 fevereiro, 2008

E agora Presidente... Vai encarar?

O líder do PSDB no Senado, Arthur Virgílio, entrou com um mandado de segurança no Supremo Tribunal Federal para obter os dados sobre os gastos do gabinete pessoal do presidente Lula, que estão sob sigilo, afrontando a Constituição, mas especificamente o princípio da publicidade dos atos públicos.
A alegação por parte do governo, que venho de forma veemente taxando como esdrúxula, de que seriam gastos da segurança pessoal do presidente e por isso necessariamente sigilosos, parece ao que tudo indica, que será desmascarada, mesmo o STF sendo político por natureza...
O Jornal da Globo entrevistou ontem Celso de Mello, uma das cabeças mais privilegiadas do Supremo, considerado uma grande referência de ética e honradez do cenário jurídico nacional, que embora não tenha podido penetrar na seara meritória da questão, não se furtou a emitir um parecer oficioso, verbal e em tese:
“Eu não posso me pronunciar sobre o caso concreto, mas o STF tem aplicado o preceito da constituição federal que consagra a publicidade dos atos governamentais uma regra geral a ser sempre observada. A invocação da segurança nacional não pode ser um manto protetor de despesas administrativas, que devem estar permanentemente expostas ao público. O STF é fiel guardião da constituição. O que queremos é a plenitude de um regime de governo visível”.
Resta evidente e de uma clareza intangível a transparência idiotizada perpetrada para convencer desvalidos mentais. Há sim, indelével sonegação na prestação de contas por parte de Lula, que se esconde por trás do manto de um permissivo não existente para excutir o erário público com "arma branca"...
Virgílio, com essa atitude tomada em tempo, me fez vislumbrar dias de terror ao monstro da barba negra, isso, é claro, se o STF comportar-se de acordo com sua função precípua que é a de guarda da Constituição, não se deixando influenciar pelas indicações que foram feitas por parte do Sr. Presidente para a formação desta Corte Maior... Não é o momento de se cobrar favores Sr. Presidente, esse pelo menos é o desejo dos que querem criminosos longe do poder...
Particularmente acho que o caminho desse MS (Mandado de Segurança) será a improcedência por questão de Segurança Institucional... Nossa Corte Maior será mais política que nunca...
Surpreenda-me STF!!
Ainda em tempo venho aditar, com o fulcro de melhor esclarecer a nova cabeleira de Dirceu: Havia na crônica abaixo, referido-me ao uso do Cartão Corporativo pessoal e blindado do Lula como medida de segurança capilar de seu braço direito, ou seu dedo faltante, como queiram... Procurei melhores explicações e descobri enfim, a motivação nobre de nosso "excelentíssimo" Presidente, que alegou que cabeça vazia é o heliporto do crime, e por isso, por medida de Segurança Nacional pagamos todos a nova cabeleira do Sr. Dirceu...

4 comentários:

ZEPOVO disse...

Isto não é bonito de ser constatado nem bonito de ser dito:

-Os gastos dos palácios não podem ser jogados na cara da plebe. É demagogia barata, de mal gosto e politicamente incorreto.

-Os tres poderes não resistem à divulgação dos gastos à nivel de consumo do dia-a-dia. Querem saber o que Lula e a alta corte comem,bebem e se os talheres que Lula usa são de prata.
Então vamos saber a mesma coisa no Judiciário (STF) e no Legislativo.
É aqui que o papo de transparência acaba...querem apostar???

pazkoal disse...

Estou com o zépovo.
Na hora que o assunto for "analisado" pelo STF a transparência vai desaparecer como por encanto.
Afinal, tem cinco, cinco cidadãos indicados pelo velhaco do lullarapio.
Por aí já se vê quem vai ganhar a parada.

Leonardo disse...

Também acho que o STF será mais político que nunca... Rsrs

Larissa Hardt disse...

Estou imensamente feliz em encontrar um blog com gente que fala diretamente o que está pensando. Ando cansada de gente em cima do muro, de gente que não dá opinião, que não reage à safadeza generalizada que se instalou no nosso país!! Essa gente, tenho cá pra mim, também faria miséria com o dinheiro público se tivesse oportunidade! Infelizmente nosso governo tem dado tanta matéria que fica até difícil escrever e comentar sobre tudo! Onde é que nós vamos parar?

Vou voltar todo dia. Nem que seja pra minha úlcera não supurar sozinha.

Até amanhã,

Larissa

PS. Depois me faça uma visita: http://sohardt.blogspot.com

Eu não pretendia escrever sobre política quando comecei o blog pq não entendia exatamente o que era um blog. Sou novata nisso. Mas depois que conheci melhor o instrumento vou botar a boca do trombone tb!